PRPGP

PRPGP

Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa

UEPB forma Grupo de Trabalho de Atenção à Saúde Mental para atuar junto aos estudantes da Instituição

13 de janeiro de 2022
UEPB forma Grupo de Trabalho de Atenção à Saúde Mental para atuar junto aos estudantes da InstituiçãoUEPB forma Grupo de Trabalho de Atenção à Saúde Mental para atuar junto aos estudantes da Instituição

13 de janeiro de 2022

Os problemas relacionados à saúde mental, agravados durante a pandemia da Covid-19, se tornaram pauta na agenda de discussões da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Diversas ações têm sido realizadas na Instituição para amenizar os problemas psicológicos e ajudar a comunidade universitária a superar as crises existenciais e lidar com as emoções positivas e negativas.

Com essa preocupação, a reitora em exercício, professora Ivonildes Fonseca, reuniu-se na manhã desta quarta-feira (14), com um grupo de professores com intuito de instituir um Grupo de Trabalho para fortalecer assistência aos discentes na Universidade. A perspectiva é que em breve o Grupo de Trabalho de Assistência à Saúde Mental se transforme em uma Comissão Permanente para acompanhar os estudantes que apresentarem sinais de comprometimento na saúde mental.

Na reunião, realizada no Gabinete da Reitoria, no Câmpus I de Campina Grande, foram definidas as primeiras ações que serão desenvolvidas, a exemplo de oficinas, palestras. A professora Ivonildes Fonseca destacou que a UEPB já vem realizando uma série de ações voltadas para a saúde mental dos estudantes através da Pró-reitoria Estudantil (PROEST), mas a partir de agora, com a criação deste Grupo de Trabalho as ações serão fortalecidas e ampliadas.

“Nós resolvemos criar esse grupo para fortalecer o trabalho que a UEPB já vem fazendo junto aos estudantes. Desta vez, as atividades serão ampliadas, no sentido de fortalecer a autoestima dos estudantes, o autoconhecimento, e o processo de pertencimento na sociedade e na sua cultura”, observou. A reitora em exercício lembrou que o trabalho a ser realizado por esse Grupo vem a coincidir com a campanha do Janeiro Branco, voltado para a Saúde Mental. A professora Ivonildes, antecipou que no mês de fevereiro a UEPB realizará uma série de atividades abordando essa temática, inicialmente, no Câmpus IV de Catolé do Rocha.

A pró-reitora Estudantil (PROEST), professora Nubia Martins, enfatizou que nesse primeiro momento o Grupo de Trabalho atuará na montagem de estratégias para a retomada das aulas presenciais no Câmpus de Catolé do Rocha. Ela explicou que as ações vão começar pelo Câmpus IV, devido o CCHA ter decidido pela volta total das aulas a partir do mês de fevereiro. Uma das ações, conforme enfatizou a professora Núbia, será a montagem de grupos de estudos para tratar da saúde mental dos discentes.

O professor Edivan da Silva Nunes Júnior, diretor CCHA, destacou que reunião foi importante porque permitiu aos professores discutir algumas alternativas para a Instituição sair desse momento conturbado. “Viemos discutir com a Administração Central alternativas que minimizem alguns problemas na Escola Agrotécnica do Cajueiro. A Direção do Câmpus IV está preocupada com essa questão”, disse. Ele lembrou que na reunião foram traçadas algumas metas para ser colocada em prática em fevereiro com o retorno presencial das aulas. Entre as ações, está a criação de uma área verde e distribuição de donativos a comunidades carentes do Sertão paraibano.

“Também ficou definido que haverá uma ação junto aos estudantes que será a implantação de uma área verde no Câmpus com o plantio de 100 mudas arbóreas nativas da nossa região, bem como uma ação social em que os estudantes e professores vão até áreas carentes para fazer a doação de uma tonelada de feijão”, acrescentou.

O Grupo de Trabalho está formado com a participação da vice-reitora, Ivonildes Fonseca, e por membros da PROEST, Pró-Reitoria de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância (PROEAD), Pró-Reitorua de Graduação (PROGRAD), Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP), além da Direção do CCHA, da Direção da Escola Agrícola do Cajueiro, da assessora da Reitoria Terlucia Silva, além do professor Gilvan Melo, coordenador da especialização em Logoterapia

Também participaram desta reunião o coordenador de Comunicação, Hipólito Lucena; o professor Jairo Bezerra, diretor adjunto do CCHA; o professor Francisco Ademilton Vieira Damaceno, diretor da Escola agrícola do Cajueiro; a professora Vaneide Lima Silva, pró-reitora de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância, e a professora Shirleyde Alves dos Santos, pró-reitora adjunta de Ensino Médio, Técnico e Educação a Distância.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Hipólito Lucena