PRPGP

PRPGP

Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa

Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional lança chamada de trabalhos sobre a Covid-19

14 de maio de 2020

Professores e pesquisadores de todo o Brasil estão sendo convidados para produzir artigos científicos que serão publicados na Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional (RBGDR), abordando os efeitos e as consequências da pandemia de Covid-19. Entre eles, o pró-reitor adjunto de Pós-Graduação e Pesquisa da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), professor Cidoval Morais, integra o Conselho Editorial da revista e faz parte do corpo de editores do dossiê “Desenvolvimento Regional pós pandemia da Covid-19”, que será publicado em um número especial da RBGDR15, no endereço eletrônico www.rbgdr.net.

A revista tem o conceito Qualis A2 nos programas de pós-graduação avaliados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal em Nível Superior (Capes) e é uma das mais importantes na área de Desenvolvimento Regional. Integrante do Mestrado em Desenvolvimento Regional da UEPB, professor Cidoval solicita aos professores da Instituição que apresentem seus artigos científicos sobre os efeitos da Covid-19. Nessa fase atual, os editores do dossiê estão encarregados de fazer a divulgação e convocação dos professores para produzir os artigos. Posteriormente, eles farão a seleção dos trabalhos que serão publicados na revista nacional.

A linha editorial da revista recomenda temas como “Impactos econômicos da pandemia de Covid-19”, “Desigualdade social e os efeitos da pandemia”, “O papel do Estado na gestão de crises”, “Aspectos espaciais e territoriais da pandemia” e ” Abordagem midiática da pandemia”. A apresentação da revista ressalta que o mundo foi impactado pelos efeitos da pandemia causada pelo vírus SARS-Cov-2. “A heterogeneidade da reação e estrutura dos países no combate à pandemia tornou-se evidente. As diferenças relativas à inserção desigual na divisão internacional do trabalho e na apropriação da riqueza foram explicitadas com a escassez do acesso a testes para a Covid-19, bem como aos tratamentos disponíveis”, ressalta.

O editoral lembra que a desigualdade social ficou ainda mais evidente perante à pandemia, ao revelar a falta de acesso a saúde e condições para atender às diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS). O cenário explicita a necessidade de ação do Estado, mediante políticas públicas que assegurem acesso a saúde e renda em um período de estagnação das atividades econômicas e a posterior crise econômica. O dossiê propõe o debate sobre as consequências da Covid-19 para o desenvolvimento regional e acerca das propostas para as estratégias compatíveis ao enfrentamento das fragilidades conhecidas e aprofundadas na crise atual.

As limitações, conforme o editorial da revista, derivam da histórica desigualdade estruturante da trajetória brasileira e da inexistência de um projeto de desenvolvimento nacional nas últimas décadas, representadas na agressiva regressão da indústria nacional, e evidenciam que a elaboração de estratégias coerentes com a realidade nacional e sua diversidade regional são condições efetivas para uma trajetória compatível com as necessidades da população brasileira.

A Chamada de Trabalhos para publicação na revista pode ser conferida clicando AQUI.

Texto: Severino Lopes