PROPLAN

PROPLAN

Pró-reitoria de Planejamento

Setores

Secretaria


É responsável pelas diversas tarefas administrativas necessárias ao correto funcionamento do setor.

As atividades desenvolvidas são:

– Recebimento e Expedição de documentos oficiais;

– Protocolar documentos;

– Atendimento de telefonemas;

– Organização de arquivos;

– Emissão e controle de folha de presença;

– Pedido de Almoxarifado;

– Recebimento e acompanhamento de publicação de edital para processo seletivo de professores substitutos.

Setor de projetos e mobilização de recursos


Atividades desenvolvidas:

  • Monitoramento do PDI;
  • Acompanhamento dos convênios;
  • Desenvolvimento dos projetos apresentados a partir das demandas;
  • Mobilização de recursos através de busca de editais e parcerias;
  • Cadastros das propostas de convênios nos sistemas a eles relacionados;
  • Suporte aos servidores que possuam projetos para a inserção desses projetos nos diversos sistemas de convênios.

 

METODOLOGIA DE TRABALHO

 

1. No monitoramento do PDI

  • Análise das ações inseridas do PDI, identificando as ações executadas e as que estão em pendência através de reuniões e estudo sobre o Plano;
  • Retificação/complementação do PDI a partir das reuniões com os pró-reitores, diretores de centros e coordenadores de setores, casso seja necessário;
  • Inserção de notícias e documentos no link do PDI na página da UEPB.

 

2. No acompanhamento dos convênios

  • Analisar os convênios que estão sendo executados com o objetivo de apontar quais as etapas que estão com dificuldades para a sua execução;
  • Reuniões com os setores responsáveis por cada etapa de execução com o intuito de dar mais agilidade aos processos;
  • Emitir relatório para os responsáveis pela execução do convênio para permitir um maior acompanhamento acerca dos processos administrativos.

 

3. Na mobilização de recursos através de busca de editais e parcerias

  • Busca em dois dias por semana das agências fomentadoras nacionais e internacionais de finanças para projetos;
  • Divulgação dos editais abertos para toda a comunidade acadêmica através do site da UEPB;
  • Atualização semanal do link de “Mobilização de Recursos”;
  • Apoio aos professores, pesquisadores e gestores que estão elaborando projetos, quando estes procurarem o setor.

 

4. No cadastro das propostas de convênios nos sistemas relacionados

  • Cadastrar propostas nos sistemas de acordo com a demanda;
  • Levantar a documentação necessária durante a etapa do cadastramento;
  • Responder as diligências enviadas pelos órgãos, os quais a proposta está relacionada.

 

5. No suporte aos serviços que possuam projetos para inserção nos diversos sistemas de convênios

  • Incentivar através da divulgação de editais os professores para elaborarem projetos de acordo com as demandas apresentadas pela Universidade;
  • Atualizar os sites todas as terças-feiras.

Transparência Pública e dados Institucionais


É responsável pelas ações de transparência pública e a coleta, organização e divulgação dos dados institucionais da instituição, no intuito de divulgar anualmente os principais dados da instituição.

Atividades desenvolvidas e competências:

  • Captação de dados institucionais;
  • Manter atualizado o portal da transparência;
  • Responder aos pedidos de informações, recebidos fisicamente ou através do e-SIC;
  • Elaboração e manutenção de um sistema de informação para acompanhamento e análise de dados institucionais;
  • Elaboração de relatórios e panfletos informativos.
  • Evolução e Expansão da UEPB;
  • Divulgar anualmente os principais dados da instituição
  • O atendimento às solicitações de dados estatísticos oriundos de órgãos das esferas federal, estadual, municipal e outras;
  • A manutenção permanente do banco de dados da UEPB;
  • A publicação interna e externa de dados institucionais;
  • O assessoramento à Reitoria na elaboração de documentos contendo dados estatísticos e informativos da Universidade;
  • O desempenho de outras atividades correlatas.

 

METODOLOGIA DE TRABALHO

 

1. Na resposta aos pedidos de informações:

  • Consulta diária ao sistema E-SIC para verificar os pedidos de informações pendentes;
  • Direcionar os pedidos de informações aos setores competentes e monitorar o atendimento da solicitação quanto ao conteúdo e os prazos previstos pela Lei de Acesso à Informação;

 

2. Na atualização do portal da transparência:

  • Receber as informações dos setores e lançar no portão da transparência;
  • Verificar a necessidade de atualização das informações;
  • Propor melhorias no design e no conteúdo do portal;
  • Levantamento de informações junto aos setores para propor novos conteúdos;

 

3. No atendimento as demandas internas e externas que envolvem transparência pública na instituição.

  • Despachos em processos administrativos;
  • Atendimento pessoal;

 

4. No acompanhamento da prestação de contas mensal

  • Verificação das apresentações;
  • Suporte os setores envolvidos.
  • Divulgação das apresentações.

 

5. Na coleta, organização e divulgação de dados institucionais

  • Enviar o relatório de atividades anual por e-mail e memorando para ser preenchido pelos respectivos setores;
  • Coleta de dados e confecção do folder ““.

Setor de gestão orçamentária


Responsável pelo acompanhamento e análise da execução orçamentária e financeira da instituição, no sentido de otimizar os recursos destinados as atividades e projetos da universidade. Sua competência:

  • Acompanhamento da execução orçamentária da UEPB;
  • Acompanhamento das despesas fixas e variáveis da instituição;
  • Cálculo do duodécimo e acompanhamento da receita do Estado.
  • Análise das demandas da comunidade universitária através da Comissão de Orçamento Participativo;
  • Elaboração da proposta orçamentária referente ao exercício subsequente, em parceria com a PROAD, PROFIN  e COP;

 

METODOLOGIA DE TRABALHO

 

1.Na análise e acompanhamento das demandas internas da UEPB:

  • Revisão do PDI anual – primeiro semestre;
  • Estabelecer metas orçamentárias e acadêmicas para a universidade;
  • Levantamento de demandas para próximo exercício, com participação do Conselho de Orçamento Participativos – COP e PROAD;
  • Elaborar proposta orçamentária para o ano subsequente;
  • Fornecer documento com demandas reais que fundamente a execução dos pedidos.

 

2. No acompanhamento da execução orçamentária e financeira da UEPB:

  • Estabelecer metas orçamentárias e acadêmicas para a universidade;
  • Solicitar relatórios à PROAD mensalmente a fim de analisar as demandas de recursos existentes para o exercício:
  • Demandas a serem encaminhadas para licitação, ainda sem reserva;
  • Relação da licitação, com e sem reserva;
  • Relação de contratos, com e sem reservas.
  • Solicitar relatórios à PROFIN a fim de analisar recursos disponíveis:
  • Relatório de empenho por natureza;
  • Relatório de empenhos por Campus;

 

3. Na realização de prestação de contas públicas da execução orçamentária:

Elaborar planilhas e gráficos com saldos orçamentários e relatórios de demandas em andamento na PROAD.

 

4. No acompanhamento do Duodécimo da UEPB versus Receita Estadual:

Elaboração de planilha comparativa que apresente a participação do Duodécimo na Receita total do Estado

Setor de avaliação – Comissão Própria de Avaliação


Responsável pelo acompanhamento e análise da avaliação institucional, objetivando contribuir para a otimização dos serviços prestados pela universidade nas áreas do ensino, da pesquisa e da extensão.  Suas competências:

  • Analisar as avaliações dos docentes realizadas pelos discentes;
  • Analisar as avaliações dos discentes realizadas pelos docentes;
  • Elaboração de relatório com resultados para ser apresentado aos Campus e analisado pelos mesmos.

 

METODOLOGIA DE TRABALHO

 

O processo de avaliação realizado na Instituição acontece semestralmente através do Sistema de Controle Acadêmico da UEPB que, por sua vez, encontra-se disponível para todos os interessados de forma online.

A comissão divulga através do site da UEPB o período em que o sistema se encontra disponível para as avaliações.

O instrumento avaliativo é constituído de questões objetivas com espaço para comentários, caso o interessado deseje fazê-lo.

 

1. Na análise das avaliações dos docentes realizada pelos discentes

A partir do instrumento de avaliação do docente pelo discente, a CPA produz os seguintes documentos, com exposição e análise de dados:

a) Relatórios personalizados turma-professor;

b) Relatórios personalizados das turmas do professor;

c) Relatórios das médias gerais dos cursos;

d) Relatórios das médias gerais, por currículo;

e) Relatório da avaliação do docente pelo discente nos cursos de graduação da UEPB.

 

Após avaliação dos discentes é feita uma análise dos resultados e a leitura dos comentários que os alunos fazem a respeito dos professores.

 

A análise é feita de forma quantitativa e qualitativa.

 

Após análises realizadas os membros da Comissão sintetizam as informações em forma de um Relatório da Avaliação do Docente pelo Discente nos Cursos de Graduação.

 

2. Na análise das avaliações dos discentes realizados pelos docentes

O processo de análise coincide com a do item anterior.

 

3. Na análise as avaliações dos cursos realizados pelos discentes

Ainda em construção, a análise visa identificar os problemas de infraestrutura dos departamentos.

A avaliação ainda se encontra em consolidação de informações