PROGRAD

PROGRAD

Pró-Reitoria de Graduação

Jornada Pedagógica para Docentes da UEPB promove formação continuada de professores da Instituição

27 de novembro de 2018

Este slideshow necessita de JavaScript.

Com a proposta de garantir a formação continuada de professores, a Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) realizou, durante toda esta terça-feira (27), a Jornada Pedagógica Docente da Instituição. Com o tema “Desafios da prática docente diante das transformações culturais e tecnológicas”, a jornada aconteceu no Auditório I da Central de Integração Acadêmica, no Câmpus de Bodocongó, e reuniu cerca de 100 professores de todos os câmpus da Instituição.

Em sua terceira edição, o evento teve como meta mobilizar os docentes da UEPB para uma importante reflexão sobre suas práticas pedagógicas diante das transformações culturais e tecnológicas e para compartilhamento de experiências de práticas docentes exitosas. Palestras e mesas redondas abordando diversos temas voltados à formação continuada marcaram a jornada, que foi aberta pelo pró-reitor de Graduação, professor Eli Brandão, e contou com a participação do reitor Rangel Junior.

Eli Brandão destacou a necessidade dos docentes buscarem sempre novos conhecimentos na permanente formação acadêmica e enfatizou que a UEPB adotou um processo de reflexão construído nos últimos anos com a reforma do regimento de graduação e, posteriormente, com as atualizações dos Projetos Pedagógicos de Cursos de Graduação (PPCs), culminando com as jornadas pedagógicas já realizadas em 2016, 2017 e, agora, em 2018, como um programa permanente da Universidade.

O pró-reitor lembrou que as oficinas pedagógicas previstas para cada abertura de semestre visam capacitar os docentes na utilização de nova tecnologias educacionais e ressaltou que o professor é um permanente aprendiz e precisa sempre aprimorar os conhecimentos. “Ele é um coordenador de ensino, compartilhador de saberes, mas um aprendiz tanto na utilização dos conteúdos quanto nas atualizações de suas práticas”, salientou.

Presente na abertura, o reitor Rangel Junior afirmou que a Jornada se reveste de muitos significados, em razão da preocupação contantes da UEPB com a temática. No entanto, segundo ele, o tempo, as conjunturas e os desafios que têm sido postos cotidianamente terminam atraindo a atenção dos docentes e bloqueando a reflexão e o debate em todos os setores da Universidade. “No âmbito da Universidade, precisamos discutir a prática docente no próprio Departamento”, frisou.

Como professor da UEPB há 30 anos, Rangel Junior questionou quais dos docentes lembravam da última vez que foi apresentada uma tese ou uma formulação de como foi ministrada uma disciplina e os seus resultados ou se houve inovação sobre metodologia no departamento onde lecionam. Para ele, a falta de compartilhamento dessas práticas e experiências exitosas é um desafio na Instituição.

A coordenadora de ensino superior da UEPB, professora Vagda Gutembergue Rocha, enfatizou que a Jornada faz parte de uma série de atividades continuadas promovidas pela PROGRAD e que terá prosseguimento com a realização de oficinas pedagógicas, no início do próximo semestre letivo. “Na verdade, nos reunimos para refletirmos sobre as nossas próprias práticas, pensarmos as práticas desenvolvidas em sala de aula e como conduzimos o ensino. Este é um momento muito valoroso, porque pensamos sobre o que estamos fazendo na perspectiva de melhorar a qualidade do ensino”, destacou.

“Desafio da Prática Docente diante das Transformações Culturais e Tecnológicas” foi o tema da palestra de abertura do evento, ministrada pelo professor do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), professor Degmar Francisco dos Anjos. Em sua exposição, o professor disse que considerava importante a abertura de um diálogo em torno da educação superior e de seus novos desafios, principalmente com as mudanças e surgimento de novas ferramentas tecnológicas. Ele ressaltou que as grandes transformações culturais e tecnológicas que o País vem passando nos últimos anos, impactaram diretamente no processo educacional. Com base em um pensamento do filósofo pré-socrático Heráclito, o professor Degmar destacou que o processo de transformação existente na humanidade é contínuo.

A Jornada Pedagógica para Docentes faz parte de um programa de reflexão e atualização pedagógica a ser desenvolvido como atividade permanente, envolvendo palestras e oficinas a cada semestre letivo, além da criação de setor específico de apoio pedagógico ao docente na PROGRAD e o compartilhamento de textos.

Também representa a continuidade de um processo mais amplo de reestruturação e dinamização dos cursos que vem sendo desenvolvido desde a criação dos Núcleos Docentes Estruturantes (NDEs), incluindo o Regimento de Graduação, a atualização dos Projetos Pedagógicos de Cursos (PPCs) e a realização de encontros de reflexão. A Jornada contou ainda com as mesas redondas “Área das Ciências Exatas e Tecnológicas” “Área das Ciências Humanas, Sociais e Letras e Artes” e “Área das Ciências Biológicas e da Saúde, com discussões em torno de questões que envolvem as mudanças culturais e tecnológicas e seus impactos sobre o planejamento, execução e avaliação do ensino, o uso de novas tecnologias educacionais, metodologias ativas de aprendizagem e protagonismo estudantil.

Texto: Severino Lopes
Fotos: Márcia Dias