PROAD

PROAD

Pró-Reitoria de Gestão Administrativa

UEPB adquire cadeiras de rodas motorizadas para facilitar mobilidade de pessoas com limitações físicas

19 de julho de 2017

Clique para exibir o slide.

Dentro da política de acessibilidade implantada na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), foram adquiridas recentemente 10 cadeiras de rodas motorizadas para facilitar a mobilidade de professores, técnicos administrativos, estudantes e visitantes que tenham dificuldade para se locomover pelos câmpus da Instituição. A compra foi feita com recursos próprios, através da Pró-Reitoria de Gestão Administrativa (PROAD), representando ao todo um investimento de R$ 59.800,00.

Os primeiros equipamentos já foram distribuídos para o Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), Centro de Educação (CEDUC) e Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Na Central de Integração Acadêmica, onde funcionam o CEDUC e o CCSA, antes desta aquisição existia apenas uma cadeira motorizada para utilização das pessoas com limitações físicas que frequentam o local. Os novos equipamentos já estão em funcionamento e à disposição das pessoas que possuam algum problema, temporário ou permanente, que as impeça de circular pelo espaço caminhando normalmente.

A professora Marta Lúcia de Souza Celino, que teve um problema de saúde e usa a cadeira motorizada, destaca que os novos equipamentos facilitam a vida das pessoas que precisam se locomover na Central de Integração Acadêmica e ficavam dependendo de apenas uma cadeira. Ela já usa cadeira motorizada há dois anos, devido a sequela de uma poliomielite, artrose no tornozelo e, recentemente, duas cirurgias de fêmur e tíbia, necessitando ainda mais do uso do equipamento.

O professor Ricardo Soares, chefe de Gabinete da Reitoria, ressaltou que a demanda atual na UEPB é grande para o uso das cadeiras motorizadas por parte de membros da comunidade acadêmica que têm necessidades especiais para sua locomoção. Somente no CEDUC, quatro alunos usavam a cadeira motorizada no semestre passado. Além disso, existem casos de professores com problemas de saúde e que receberam orientação médica para evitar subir a rampa a pé, devido ao risco de sofrer com falta de ar.

As cadeiras disponibilizadas na Central de Integração Acadêmica ficam no hall para acesso dos usuários e dois funcionários da Pró-Reitoria de Infraestrutura (PROINFRA) ficam disponíveis para ajudar as pessoas a manusear o equipamento, principalmente nos primeiros contatos com a nova ferramenta. Além de beneficiar os usuários do CEDUC e CCSA, as cadeiras de rodas motorizadas estão sendo distribuídas para os cursos de Enfermagem e Fisioterapia, no Câmpus I; para o Centro de Ciências Agrárias Ambientais (CCAA), em Lagoa Seca; para o Centro de Ciências, Tecnologia e Saúde (CCTS), em Araruna; para o Centro de Humanidades (CH), em Guarabira; e para o Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA), em Catolé do Rocha.

No Câmpus de Campina Grande, o CEDUC possui um Núcleo de Estudos Especiais que atua favorecendo a inclusão de pessoas com dificuldade de locomoção, surdos e portadores de deficiências visuais. Além das quatro cadeiras de rodas motorizadas, a Central de Integração Acadêmica dispõe de três cadeiras convencionais que também podem ser usadas por todas as pessoas com dificuldade de locomoção. A pró-reitora de Gestão Administrativa da UEPB, professora Eliana Maia, destacou a pretensão da Administração Central é, futuramente, destinar uma cadeira motorizada para cada câmpus da Instituição.

 

 

Texto: Severino Lopes
Fotos: Tatiana Brandão