Campus Avançado

Campus Avançado

Campus Avançado do Serrotão

Universidade Estadual inaugura Núcleo de Atenção a Saúde Bucal no Câmpus Avançado do Serrotão

10 de Março de 2014

Com a presença do reitor Rangel Junior, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) inaugurou, na manhã desta segunda-feira (10), em Campina Grande, o Núcleo de Atenção a Saúde Bucal do Câmpus Avançado Dom José Maria Pires, instalado no Presídio Feminino do Serrotão. O Núcleo terá como função realizar um trabalho preventivo e de assistência de saúde bucal junto as apenadas e ainda como meio para o desenvolvimento de projetos de pesquisa e de extensão com estudantes do Departamento de Odontologia da Instituição.

odontserr5A solenidade de inauguração marcou a realização de mais uma etapa no processo de funcionamento do primeiro câmpus universitário instalado em uma penitenciária brasileira. O reitor Rangel Junior destacou a importância da iniciativa e reafirmou que a UEPB cumpre o seu papel social ao criar ações que visam garantir dignidade as reeducandas do Serrotão, no sonho de ressocialização e de reconstrução de suas vidas fora dos muros do presídio.

Ele ressaltou que ainda há pessoas que criticam a criação do Câmpus Avançado no Serrotão, mas enfatizou que estava convencido de que a UEPB acertou ao se instalar dentro do presídio, salientando e que outras ações virão com intuito de contribuir cada vez mais para o processo de ressocialização da comunidade carcerária.

O reitor lembrou que o a instalação do Núcleo de Atenção a Saúde Bucal é um ato simples, mas revestido de grandes significados, uma vez que, segundo ele, a Universidade tem procurado fazer a sua parte no sentido de ajudar as apenadas a terem condições de reconstruir suas vidas após o cumprimento de suas penas.

odontserr3A coordenadora do Campus Avançado, professora Maria Aparecida Carneiro, explicou que o Núcleo de Atenção a Saúde Bucal atuará nas três dimensões propostas pela Universidade, desenvolvendo ações de formação (ensino), pesquisa e extensão. “Vamos ter palestras educativas e assistência para as reeducandas. Esse espaço também servirá para formação profissional dos estudantes de Odontologia”, observou.

Coordenadora do Núcleo e responsável pela instalação do consultório odontológico, a professora Nadja Oliveira, do Departamento de Odontologia, fez uma explanação sobre o projeto “Assistência à saúde bucal da população prisional feminina do presídio do Serrotão”, desenvolvido por ela, tendo como colaboradoras as professoras Criseuda Maria Benício Barros, Darlene Eloy Dantas e Renata de Sousa.

odontserr4Ela relatou que o Núcleo funcionará de forma gradativa, percorrendo algumas etapas.  Inicialmente será feito um diagnóstico científico das 64 apenadas reclusas no Serrotão; depois acontecerão ações preventivas e, posteriormente, serão realizados serviços como extração dentária, restauração, entre outros. Todo o trabalho será feito em cima de um planejamento e de um Plano de Diagnóstico que será elaborado. Cinco alunos extensionistas irão trabalhar no NASB, acompanhados por professoras do curso de Odontologia.

A solenidade de inauguração do NASB contou, ainda, com a presença dos professores Eugênio Moura, Darlene Eliy Dantas e Jaime Clementino; da diretora do Presídio Feminino do Serrotão, Melissa Lins Brasileiro e dos diretores do Presídio Masculino e da Penitenciária Padrão, respectivamente, Manoel Ozório e Anselmo Vasconcelos.